Arquivologia e Ciência da Informação – Resenha

FONSECA, Maria Odila. Arquivologia e Ciência da Informação. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005.

Capa do livro Arquivologia e Ciência da Informação

 

Arquivologia e Ciência da Informação, de autoria de Maria Odila Fonseca, foi originalmente produzido como tese de doutorado e posteriormente lançado como livro. A obra centra-se na análise da emergência (ou não) de novos espaços e pautas reflexivas no cenário da Arquivologia brasileira e as relações dessa área com a Ciência da Informação.

O livro em questão divide-se em cinco capítulos que buscam traçar um panorama histórico e teórica da Arquivologia e da Ciência da Informação a fim de viabilizar a análise da produção acadêmica – periódicos, teses e dissertações – referente às temáticas arquivísticas.

O primeiro capítulo trata da Ciência da Informação e apresenta o contexto histórico de surgimento dessa área bem como as principais tentativas de estabelecimento de um corpo conceitual para a mesma, dedicando, inclusive, algumas páginas as relações interdisciplinares da Ciência da Informação.

No segundo capítulo a autora começa a adentrar no terreno da Arquivologia, expondo o contexto de surgimento da área e os caminhos percorridos até que a prática arquivísitica se consolidasse e adquirisse uma estrutura moderna. Nesse capítulo trata-se ainda da criação das instituições arquivísticas e do estabelecimento de alguns preceitos fundamentais para a área – o Princípio da Proveniência e a Teoria das três idades – além de problematizar algumas práticas da Arquivologia.

O terceiro capítulo dedica-se a traçar um panorama atual da Arquivologia. Nele a autora discorre acerca da ruptura de paradigmas e sobre a Arquivologia Pós-moderna ou Arquivologia pós-custodial surgida no Canadá nos anos 1990 e que, com base em cinco pontos principais, propôs reconceituações para a área. Nesse capítulo a autora também traça um panorama da Arquivologia no Brasil.

O quarto capítulo é dedicado a exposição nos dados obtidos a partir do mapeamento das publicações periódicas (nacionais e estrangeiras) e das teses e dissertações defendidas tendo como objeto de estudo questões referentes à Arquivologia. Ademais desse capítulo, o livro ainda conta com um tópico de considerações finais onde a autora afirma que existe sim um processo de arejamento nas reflexões e renovação na pauta dos trabalhos dentro da área de arquivística, entretanto questões concernentes a interdisciplinaridade da área com a Ciência da Informação e a consolidação da comunidade arquivística enquanto comunidade científica ainda estão longe de serem plenamente alcançadas.

+info

Trechos do livro Arquivologia e Ciência da Informação podem ser consultados gratuitamente no Google Books.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s